Segunda-feira, 16 de Setembro de 2019
Brasil

Mais de 40 mil militares irão atuar na Amazônia para conter queimadas

Publicada em 25/08/19 às 18:13h

por Vida Nova FM


Compartilhe
   

Link da Notícia:

Mais de 40 mil militares das Forças Armadas devem atuar na região Amazônica para ajudar no combate às queimadas.

Segundo o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, a permanência deve se estender até o dia 24 de setembro. Além disso, o militar ressaltou que algumas tropas já estão em ação.

Na manhã deste sábado (24), integrantes do governo participaram de uma reunião para definir os próximos passos no combate aos incêndios.

Pelo lado do Ministério do Meio Ambiente, a pasta afirma que está prestando todo apoio às ações do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade e ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama).

LIBERAÇÃO DE VERBAS

Também neste sábado, o Ministério da Economia aprovou a liberação de R$ 38,5 milhões para o combate de queimadas na região amazônica. O descontingenciamento, segundo a pasta, atende a pedido feito na sexta-feira (23) pelo Ministério da Defesa e será imediato.

Em nota, o ministério diz que “está acompanhando a evolução do tema e tomará as providências necessárias, em conjunto com a Defesa, para atender plenamente o comando presidencial”, citando o decreto deBolsonaro que autorizou uso das Forças Armadas no combate aos incêndios.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário






Nosso Whatsapp

 67 9 9907-1049

Copyright (c) 2019 - Vida Nova FM - Associação Comunitária de Comunicação Social de Deodápolis