noticias Seja bem vindo ao nosso site Vida Nova FM !

Brasil

Daniel Silveira volta a desafiar Moraes e passará a noite no plenário da Câmara

O deputado descumpriu medidas cautelares impostas quando foi autorizado a deixar a prisão

Publicada em 30/03/22 às 13:41h

Vida Nova FM


Compartilhe
Compartilhar a noticia Daniel Silveira volta a desafiar Moraes e passará a noite no plenário da Câmara  Compartilhar a noticia Daniel Silveira volta a desafiar Moraes e passará a noite no plenário da Câmara  Compartilhar a noticia Daniel Silveira volta a desafiar Moraes e passará a noite no plenário da Câmara

Link da Notícia:

Daniel Silveira volta a desafiar Moraes e passará a noite no plenário da Câmara
Foto: Agência Brasil  (Foto: )

O deputado Daniel Silveira (União-RJ) disse nesta terça-feira, 29, que vai passar a noite no plenário da Câmara dos Deputados. O parlamentar voltou a desafiar o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), e afirmou querer ver até onde vai a “petulância” do magistrado. “O plenário é inviolável”, declarou Silveira.

Moraes determinou a instalação imediata de tornozeleira eletrônica no deputado, após pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR). De acordo com o órgão, o deputado descumpriu medidas cautelares impostas quando foi autorizado a deixar a prisão.

“Quero ver até onde vai a petulância de alguém para de fato romper com os outros dois Poderes, porque aqui o plenário é inviolável. Um deputado é soberano no plenário”, afirmou Silveira a jornalistas. “Eu quero ver até onde vai, se ele quer dobrar essa aposta, se ele quer, de fato, mostrar que ele manda nos outros Poderes.”

O deputado defende que a Câmara precisa votar a medida determinada pelo ministro do STF, mas disse no final da noite de terça que ainda não tinha feito contato com o presidente da Casa, Arthur Lira (Progressistas-AL). Silveira evitou responder se recebeu alguma mensagem de apoio do presidente Jair Bolsonaro (PL).

O parlamentar foi preso em fevereiro do ano passado após divulgar um vídeo com ameaças a integrantes do STF e foi solto definitivamente em novembro, mas ficou submetido a uma série de medidas cautelares, incluindo a proibição de acesso a redes sociais e de contato com outros investigados nos inquéritos das fake news e das milícias digitais. Na semana passada, porém, Silveira voltou a atacar o Supremo.





ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 67 9 9907-1049

Visitas: 4024572
Copyright (c) 2024 - Vida Nova FM - Associação Comunitária de Comunicação Social de Deodápolis
Converse conosco pelo Whatsapp!