Quinta-feira, 21 de Março de 2019
DEODÁPOLIS

DEODÁPOLIS: Rádio Comunitária Vida Nova a 9 anos com a Comunidade

Publicada em 08/03/19 às 13:28h

por Vida Nova FM


Compartilhe
   

Link da Notícia:

Avenida Francisco Alves da Silva 538B  (Foto: Vida Nova FM )

O rádio tem um papel fundamental na sociedade como um meio de comunicação rápido e eficaz. Vivemos na era digital e junto com ela o advento da internet trouxe consigo a informação veloz, em tempo real. Muito fascinante essa tecnologia, mas a qualquer imprevisto tecnológico essa velocidade de informações se torna nula, o que não acontece com o rádio. Através de uma rádio, podemos chegar aos quatro cantos do mundo sem necessitar estar “conectado” com uma rede social.

Dentro dessa realidade é que começaram a surgir as rádios comunitárias. Nelas, a comunidade expõe seus problemas, suas críticas e seus desejos. É por intermédio delas que as pessoas participam ativamente do processo de desenvolvimento da sociedade onde vivem.


 

Drº Bruno Palhano Gonçalves (Na época Juiz de direitos da Comarca de Deodápolis 12/03/2018)


É importante observar a maneira como as rádios comunitárias estão sendo construídas. Ou seja, deve ser um lugar onde a comunidade reconheça na emissora as aspirações do seu cotidiano, pois a emissora a rádio comunitária deve cumprir a finalidade de facilitar a informação e servir de veículo de esclarecimento da opinião pública local sobre os fatos e assuntos da história e interesse de cada segmento social.


Jb Silva entrevista o Delegado de polícia, Dr José Guilherme (07/08/2018). 


A Rádio Comunitária Vida nova FM (104,9) fundada em 29 de janeiro de 2010, em Deodápolis, Mato Grosso do Sul, expõe de forma sintética o papel da emissora comunitária.

Leleia, Gustavo Henrique, Haygon Lee, Artur Rubin, Reginaldo Ferreira, Caio Vinicius e Juliana na entrega depois da ganhadora Leleia ganhar u.


“A rádio comunitária Vida Nova FM, tem a função de informar às pessoas o que está ocorrendo em volta de sua casa, no bairro, na comunidade; é o acontecimento da cidade que o pessoal quer saber. É isso que atrai os ouvintes de uma rádio comunitária”.


Jb Silva entrevista o Sr. Lindolfo morador antigo em Deodápolis.


De fato, a rádio comunitária se instala para ocupar um espaço não preenchido pela mídia comercial, a emissora serve de veículo de comunicação e socialização de informação.


Alex do Forro 2 entrevistado  na Rádio Vida Nova conta quando foi ao programa do Ratino no quadro vem quem quer.


Mesmo levando em conta o avanço da tecnologia nos meios de comunicação, o papel da rádio comunitária no cotidiano dos moradores de uma comunidade, sem dúvida, faz a diferença. Contudo, essa proximidade deve levar em conta a individualidade dentro da diversidade, expondo as diferenças de gênero, raça, cor e crédulo, fazendo com que as pessoas da comunidade se identifiquem mutuamente. Certamente a Vida Nova FM tem como objetivo o cumprimento desse papel dentro da sociedade.

Prêmio de Alex do Forro 2 do Programado Ratinho depois de participar do quadro vem quem quer.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário






Nosso Whatsapp

 67 9 9907-1049

Copyright (c) 2019 - Vida Nova FM - Associação Comunitária de Comunicação Social de Deodápolis