Sábado, 25 de Outubro de 2020
DEODÁPOLIS:

A voz do Poeta

Árvore

Publicada em 23/09/20 às 22:03h

por Milton Jorge da Silva


Compartilhe
   

Link da Notícia:

Árvore  (Foto: Imagens Internet)


ÁRVORE.

Milton Jorge da Silva.


Adoro me embalar à sombra

Das árvores do meu quintal.

O uivo do vento assombra

Com seu sopro natural.


Árvores que acolhem ninhos

É teto e proteção.

Recanto de passarinhos

Que fazem do canto oração.


Fartura de frutos e flores

Oxigênio em profusão.

Pássaros divinos cantores

Galhos em abraços de proteção.


A árvore vive para servir

Hora madeira outra carvão.

A gentileza se faz sentir

Na alma e no coração.


Seja seca, caída, morta,

É símbolo de produção.

No momento em que tua vida aborta

 Acompanha-te em proteção.


Talvez na última morada

Reconheças o seu valor.

A árvore que sombreou a estrada

Segue a proteger o lenhador!


 




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 67 9 9907-1049

Visitas: 2454729
Usuários Online: 64
Copyright (c) 2020 - Vida Nova FM - Associação Comunitária de Comunicação Social de Deodápolis