MS

Mulher é espancada e tem dentes quebrados ao negar dinheiro para marido comprar cerveja

Mulher disse que é obrigada a dar dinheiro para marido

Publicada em 02/12/21 às 14:13h

por Vida Nova FM


Compartilhe
Compartilhar a notícia Mulher é espancada e tem dentes quebrados ao negar dinheiro para marido comprar cerveja  Compartilhar a notícia Mulher é espancada e tem dentes quebrados ao negar dinheiro para marido comprar cerveja  Compartilhar a notícia Mulher é espancada e tem dentes quebrados ao negar dinheiro para marido comprar cerveja

Link da Notícia:

Mulher é espancada e tem dentes quebrados ao negar dinheiro para marido comprar cerveja

Um casal acabou levado para a delegacia durante a madrugada desta quinta-feira (2) na cidade de Ponta Porã a 346 quilômetros de Campo Grande após a polícia ser acionada pela filha da vítima espancada pelo marido.

A polícia chegou a residência por volta da 1 hora da madrugada desta quinta (2), encontrando a mulher, de 46 anos, com hematomas e sem os dentes da frente que acabaram quebrados por causa das agressões do marido de 37 anos. Ela contou que os dois estavam bebendo quando a cerveja acabou e o autor pediu mais dinheiro para comprar as bebidas.

A mulher negou dinheiro ao marido que passou a agredi-la com tapas no rosto, e quebrando seus dentes. Ela ainda disse que é obrigada a dar dinheiro de suas vendas para o marido comprar cerveja. Mas, quando levados para a delegacia, a vítima negou que tenha sido agredida dizendo que os machucados seriam porque ela havia caído. 

Não se cale, denuncie!

Existem dois números para contato: 180, que garante o anonimato de quem liga, e o 190. Importante lembrar que a Central de Atendimento à Mulher – 180 -, é um canal de atendimento telefônico, com foco no acolhimento, na orientação e no encaminhamento para os diversos serviços da rede de enfrentamento à violência contra as mulheres em todo o Brasil, mas não serve para emergências.

As ligações para o número 180 podem ser feitas por telefone móvel ou fixo, particular ou público. O serviço funciona 24 horas por dia, 7 dias por semana, inclusive durante os finais de semana e feriados, já que a violência contra a mulher no Brasil é um problema sério no país.

 

FONTE: MSNEWS


ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 67 9 9907-1049

Visitas: 3545645
Copyright (c) 2022 - Vida Nova FM - Associação Comunitária de Comunicação Social de Deodápolis
Converse conosco pelo Whatsapp!